Australianos confirmam que sinais misteriosos são mesmo extraterrestres


Não se sabe a origem dos sinais, mas os pesquisadores confirmaram que não são originados da Terra
Cientistas australianos fizeram um comunicado à imprensa para anunciar que os três sinais que foram detectados no passado têm origem extraterrestre. Os astrônomos sempre ficaram intrigados desde que foram capazes de decodificar os sinais, há 10 anos.

Segundo os especialistas, por serem ondas curtas de rádio, são difíceis de estudar, por aparecerem e desaparecerem muito rapidamente. Por isso, os cientistas não conseguiram obter informação precisa sobre a sua origem dos sinais, mas, graças às análises que fizeram, puderam identificar que são provenientes de algum lugar do universo, especialmente de uma galáxia distante.

O estudo está sendo realizado por pesquisadores da Universidade Nacional da Austrália e da Universidade de Tecnologia de Swinburne, em Melbourne. Eles detectaram os três sinais misteriosos por meio de um radiotelescópio instalado na cidade de Camberra, capital da Austrália, segundo informações do jornal britânico DailyStar.

"Os radiotelescópios convencionais, que usam antena, têm dificuldades em captar transmissões com origem para além da atmosfera da Terra", diz o professor Matthew Bailes, da Universidade de Tecnologia de Swinburne, no comunicado à imprensa.

Anteriormente, os cientistas acreditavam que os sinais não seriam provenientes do espaço, mas sim, de alguma interferência local. No entanto, esta teoria foi desmentida porque novas descobertas apontaram para o espaço como fonte da transmissão.

"Os sinais de rádio são claramente perceptíveis devido à curta duração e à grande distância da fonte. Não identificamos qualquer origem natural plausível. Com isso, a fonte artificial deve ser considerada e verificada", comenta Avi Loeb, especialista do Centro de Astrofísica da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, em entrevista para o DailyStar.

Avi Loeb acredita que esses sinais misteriosos podem ter sido enviados por "transmissores gigantescos", utilizados para garantir o funcionamento de possíveis "aeronaves extraterrestres".



Share on Google Plus

About Juarez Silva

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário

Pesquisar