Mega-telescópio será capaz de estudar atmosfera dos sete planetas recém descobertos

Órbitas dos sete novos mundos encontrados ao redor da estrela TRAPPIST-1.


O Telescópio Espacial James Webb – JWS está pronto para ser lançado em 2018, e será um mega-telescópio com o potencial para revelar as atmosferas dos sete mundos recém descobertos (planetas ao redor da estrela TRAPPIST-1). Os sete planetas do tamanho da Terra possivelmente poderiam ter água no estado líquido em suas superfícies, e o JWS é sensível o suficiente para identificar a composição química das atmosferas desses planetas.


Mega-Telescópio Espacial James Webb irá examinar as atmosferas desses planetas.
Representação artística dos sete planetas que orbitam TRAPPIST-1.
O mega-telescópio será a chave para abrir os segredos dos sete planetas; ele determinará se estes planetas têm atmosferas e outros componentes. A NASA também tem outras missões neste momento, tais como os telescópios Hubble, Kepler e Spitzer. Atualmente, estes telescópios estão apontados para os planetas recém descobertos, de acordo com o site Space.


Os pesquisadores já estavam cientes de que planetas orbitavam a apagada estrela TRAPPIST-1, pois foi em 2016 que descobriram três planetas em sua órbita. Recentemente o Telescópio Espacial Spitzer confirmou que havia sete planetas. O fato mais misterioso é que três destes planetas poderiam potencialmente ter vida do estilo da Terra. Os cientistas acreditam que suas órbitas mantêm os três planetas na temperatura ideal para isso.

Se eles tiverem atmosferas, então poderiam também ter água no estado líquido em suas superfícies, e o mega-telescópio JWS será o equipamento que poderá confirmar esta possibilidade…

FONTE



Share on Google Plus

About Juarez Silva

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário

Pesquisar