12 fatos perturbadores que você nunca ouviu falar sobre o Titanic

1. Um japonês sobreviveu ao naufrágio e logo depois retornou ao Japão.

Masabumi Hosono era o único japonês a bordo do Titanic. Ele conseguiu se salvar do naufrágio através do Lifeboat 13, um dos poucos botes salva-vidas disponíveis no navio. Depois do ocorrido, ele decidiu retornar a sua terra natal, mas não foi bem recepcionado. As pessoas disseram que ele deveria ter afundado com o navio, pois ter se salvado do naufrágio foi uma atitude covarde, afinal, o ato ia em contra as virtudes samurais (tais como honra, coragem e sacrifício).
2. No filme, os violonistas continuaram tocando para tentar manter os passageiros calmos.
Isso realmente aconteceu na vida real. Wallace Hartley e sua orquestra, por ordens do capitão, tocaram vários números musicais, incluindo a famosa canção tocada no filme (“A Night to Remember”, 1958), até os momentos finais do naufrágio. O violino do líder foi encontrado e é considerado hoje, um dos maiores tesouros que temos da história do Titanic. Em 2013, estava sendo leiloado por 1 milhão e 451 mil dólares, na Inglaterra.
3. Se o capitão Edward J. Smith tivesse dado o alerta de avistamento do iceberg 30 segundos antes…
O desastre não teria acontecido. Essa é a conclusão dos físicos e matemáticos.
4. O fundador da Hershey’s, salvo por seus chocolates.
Milton S. Hershey, fundador da companhia de chocolates Hershey’s, tinha comprado uma passagem para a viagem inaugural do Titanic, mas acabou não comparecendo à viagem, devido a uma reunião de negócios.


5. As quatro chaminés. 

Este visual icônico do Titanic, com 4 chaminés, foi criado simplesmente por estética, porque na verdade, a quarta chaminé nunca foi usada. Na verdade, ela nem mesmo funcionava.
6. Os botes salva-vidas.
Você já sabia, graças ao filme “Titanic”, de 1997, que a quantidade de botes salva-vidas era insuficiente para o caso de naufrágio. Se totalmente cheios, caberiam mais ou menos a metade dos passageiros do navio. Mas o que você não sabia, é que pelo menos a metade dos botes salva-vidas usados não receberam a quantidade de pessoas que seriam capazes de receber. Uma tristeza esta informação!
7. O único.
Apenas um transatlântico no mundo naufragou por culpa de um iceberg: o Titanic. Outro fato interessante: a temperatura da água chegava a -2 °C e a maioria das pessoas não conseguiu sobreviver mais de 15 minutos devido à hipotermia.
8. O Treinamento de Evacuação de Emergência.
No dia em que o Titanic afundou, estava agendado um Treinamento de Evacuação, para que os passageiros soubessem o que fazer no caso de um naufrágio. O mesmo foi cancelado pela tripulação.
9. O iceberg milenar. 

Estima-se que o iceberg que causou o naufrágio do Titanic em 1912 tenha começado sua formação em 1000 a.C. Um tanto quanto antigo, não é verdade?
10. Foi mais caro fazer o filme Titanic, de James Cameron, do que o verdadeiro navio em si.
O navio de luxo custou, na época, 7,5 milhões de dólares, o que hoje equivaleria a 150 milhões de dólares, ajustado com a inflação. Já o filme, custou cerca de $200 milhões de dólares, em 1997.
11. Salvo pelo álcool.
O chefe de cozinha do navio, Charles John Joughin, foi um dos sobreviventes do naufrágio. Ele sobreviveu graças à ingestão exagerada de bebidas alcóolicas antes da tragédia. Por que? Porque o álcool aumenta a temperatura corporal, assim, ele pôde aguentar cerca de uma a duas horas na água congelante antes de ser colocado em um bote salva-vidas.
12. Problemas de comunicação.

“The Californian”, um navio que estava próximo ao Titanic quando este afundou não pôde auxiliar no resgate de passageiros por problemas nos serviços de comunicação, que estava atrasando.




Receba as as notícias mais interessantes e curiosas da internet em seu e-mail, totalmente sem Spam, em primeira mão!





Share on Google Plus

About Juarez Silva

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário

Pesquisar