É assim que a Terra será daqui 100 milhões de anos

Você já se perguntou sobre como será a Terra em 100 milhões de anos? Bem, todos nós gostaríamos de viajar para o futuro em uma máquina do tempo ou ser clarividente o suficiente para ver o que espera a humanidade. As profecias de incontáveis religiões predizendo a destruição do mundo finalmente se tornarão realidade? Os alienígenas invadirão a Terra ou aprenderão a coexistir com a humanidade?

Ninguém pode realmente saber ao certo. Mas os cientistas certamente encontraram maneiras de olhar para trás e teorizar do que nosso planeta parecia em seu humilde início. Por isso, é óbvio que eles eventualmente descobririam uma maneira de nos mostrar como esperam que a Terra fique daqui alguns milhões de anos, e digamos, definitivamente haverão algumas mudanças.Os cientistas teorizaram que a maioria das massas terrestres planetárias costumavam serem agrupadas em conjunto.


Essencialmente, no início, a Terra era uma bola de terra enorme, como alguns dos outros planetas em nosso sistema solar (ou mesmo nossa própria lua).

SpaceRip / YouTube
Mas, da mesma forma que a humanidade evoluiu, o planeta também.
Não tão tarde na história do planeta as placas se romperam, causando uma mudança massiva nas massas de terra que formaram os continentes que todos nós conhecemos hoje.

SpaceRip / YouTube
Isto é o que a Terra parece hoje e como você pode ver, há muito espaço para grandes massas de água.
Infelizmente, se você pensou que era isso e que o planeta vai ficar assim até o último dia da humanidade, pense de novo.

SpaceRip / YouTube
Em 100 milhões de anos, as coisas vão parecer muito diferentes e você provavelmente nem reconheceria a Terra se vivesse todo esse tempo.

Os cientistas projetaram a forma como consideram ser o caminho que seguirá nosso planeta e, infelizmente, algumas áreas de terra onde existem cidades e são atualmente povoadas, simplesmente desaparecerão.
SpaceRip / YouTube
Dê uma olhada no continente africano, que experimentará algumas mudanças importantes baseadas nesta suposição científica.

SpaceRip / YouTube
As alterações climáticas resultarão na subida do nível das águas e isso será o fim de muitas regiões habitáveis nesta vasta massa terrestre.
A Eurásia não parece estar tão quente nesta projeção.
Se esqueça de visitar a Torre Eiffel ou ir para um passeio em Viena, porque vai ficar tudo alagado. É como o filme “Waterworld”, mas na vida real.

SpaceRip / YouTube
E o continente americano? Bem, digamos que as notícias não são tão boas, principalmente para a região Norte.


Ambos os estados estadunidenses da Luz do Sol e da Estrela Solitária desaparecerão e as previsões da Califórnia sendo engolida mar serão realidade. A América Central também sofrerá algumas baixas em massa da terra, mas a 

América do Sul, particularmente o Brasil terá um enorme pedaço de si mesmo submerso debaixo d’água. Felizmente, 100 milhões de anos ainda estão longe, muito longe, e nós não estaremos por perto para experimentar este potencial desastre. Certamente não queremos estar nos sapatos dos nossos descendentes.

SpaceRip / YouTube
Você não precisa de uma bola de cristal para assistir ao terrível deslocamento planetário nesses tempos sombrios: basta clicar no vídeo abaixo.






Receba as as notícias mais interessantes e curiosas da internet em seu e-mail, totalmente sem Spam, em primeira mão!





Share on Google Plus

About Juarez Silva

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário

Pesquisar